Gato em dia

Branca d’Água muito fria não solidificada por um triz mais um bando composto por minorcas

Há exercícios que podemos fazer para estimular a nossa criatividade quando ela anda mais preguiçosa. O plano tem tanto de difícil como de curioso: experimentem contar uma história que seja muito conhecida sem usar uma determinada letra uma única vez! Difícil? Sim! Impossível? Não!

Esta é uma versão da História da Branca de Neve e dos 7 anões sem o uso da letra “E”. 🙂

Aqui vai ela:

Branca d’Água muito fria não solidificada por um triz mais  um bando composto por minorcas

A Branca d’Água muito fria não solidificada ficou caída por um ricaço. Assustada, fugiu do palácio, pois a madrasta mandou um caçador matá-la:

– Coração arrancado: gritou a Madrasta!

Ao abrigar-se na grandiosa mata da vila foi avistada por um bando composto por minorcas. Ficaram amigos. Passaram a morar juntos numa cabana.

Branca limpava, cantava, dançava, lavava, arrumava, cozinhava. Os minorcas passavam o dia a procurar ouro nas minas. A Bruxa acha-a novamente, disfarça-se. Passou a idosa carinhosa. Brindou a Branca com uma maçã lustrosa. A Branca trincou-a. Minutos após a trinca, caiu paralizada no chão.

A Bruxa vil torna-se na humana mais linda do mundo, como mais ambicionava, fiando-se nos minorcas a colocar a Branca viva por baixo do solo. Bruxa cai da montanha, apanhando com rocha colossal no lombo, finando-se.

Tristíssimos, trabalham num caixão forrado a cristal para a Branca. Todos os animais da mata a visitam. O ricaço dá com a Branca morta, oscula-a. Branca acorda. Casa com ricaço. Muito animada foi a sua a vida a partir daqui.

FIM.

Quando escrevo assim, sinto que a minha escrita envereda por um tom mais cómico e dinâmico. O desafio é não usar palavras de ligação como o “e” ou “porém”, mas isso dependerá do estilo de cada um e do tom que quiser conferir à sua escrita! Passei no teste?

Gostavam que escrevesse alguma história em particular? Aceitam-se pedidos! 😀

Leila Gato 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *